segunda-feira, novembro 24, 2008

A questão é que ele não se demarcou, enlameou-se até à ponta dos cabelos

Pergunta-votação da primeira página do JN: "Cavaco fez bem em demarcar-se do caso BPN?". Mas quando se demarcou Cavaco? Estarão a falar da patética e absurda nota de imprensa sobre as contas bancárias do casal Silva (sim Cavaco incluiu Maria nas explicações)? Assim de repente, declarações mais patéticas do que estas só me ocorrem as de Dias Loureiro no horário nobre da RTP. O tal que Cavaco mantém como conselheiro de estado. Vergonha é que pelos vistos escasseia um pouco por todo o lado.

PS: A esquerda que trate de arranjar um candidato comum para nos livrar deste absoluto embaraço que nos ocupa a presidência sff. Por exemplo, Vital Moreira. Comecem a pensar a sério nisto, que mais 5 anos de presidência cavaquista é mais que o que a decência pode aguentar...

4 comentários:

Nan disse...

Boss, meu querido; Vital Moreira?! Pamordedeus, antes o Cavaco, tem dó!

boss disse...

Bem sei que o seguidismo ao PS de Vital Moreira é extremamente irritante... mas na prática presidencial isso não o distinguiria de Cavaco. O que me agrada em Vital Moreira é o seu laicismo e o seu republicanismo, qualidades essenciais para um bom presidente.

boss disse...

E aliás, estou certo que um Vital presidente seria muito menos subserviente ao governo que Cavaco nas matérias que mais interessam. Estatutos açorianos e outras tolices à parte.

Nan disse...

Queridíssimo Boss - nem com todo o molho laico e republicano eu engulo o Vital Moreira. Nada apagaria da minha memória as enormidades que ele tem escrito nos últimos anos. Nem de olhos fechados e dedos a tapar o nariz eu votaria nele, desculpa lá!