segunda-feira, novembro 19, 2007

Já há versão madeirense do Google News ou é avaria?

É que me fartei de procurar pela reacção do líder do PSD à entrevista do sr. Drumond, e nada. Só pode ser avaria do Google. As únicas reacções laranjas à laranja entrevista são estas:
Jaime Filipe Ramos, deputado do PSD-M, considera, por seu lado, que «a revisão constitucional de 2009 é um momento histórico para o reforço da autonomia da Madeira, o momento é importante, o que importa é a substância e não a forma».
Ou seja, independência sim, mas dispensamos o hino e a bandeira, é isso? Mas se já têm hino e bandeira. A forma está tratada caro sr. Ramos, é a substância que está por apurar!
«É bom que o senhor Presidente da República veja que esses fenómenos estão a reaparecer e que há, aqui, apenas um só culpado: o comportamento discriminatório que o Governo do PS tem tido em relação à Madeira»
Esta é a de Jardim. Que também tem outra igualmente delirante sobre uma reportagem da RTP a propósito de um acidente aéreo que aconteceu na ilha - assunto proibido para Jardim, claro. Da Madeira só notícias de sol e flores, sff.

Mas do PSD português nem sinal. Nem sequer no blog de Pacheco Pereira (oh coitadinho, toma lá um link). Suponho que andem todos meios traumatizados com os resultados das suas mais recentes tiradas de política internacional, e se recolham portanto a um oportuno e sensato silêncio.

Já eu mantenho o que digo sempre: uma colónia em África não deixa de ser um crime só porque a população é branca, descolonização já! Solidariedade com o povo oprimido da Madeira!

2 comentários:

Bruno Gonçalves disse...

Já só faltam os bonecos de vudu com os cabelos de 300 000 madeirenses. Não desista meu caro.

boss disse...

Defender a descolonização da Madeira (tal qual fazem os seus dirigentes democraticamente eleitos) tem alguma coisa a ver com vudu porque? ...