terça-feira, outubro 03, 2006

Grandes Portuguesas: Nelly Furtado (1978 - )

Fica difícil levar a sério uma lista que conta com nomes como Figo, Joaquim de Almeida ou Agustina Bessa-Luís e esquece a Nelly Furtado. A música made by tugas nunca antes voou tão longe, é assim tão grave que as canções não se chamem "Sou como uma pássara" ou "Devoradora de homens"? Ou será por andar a espalhar que lá no fundo somos todos bissexuais?

5 comentários:

António Rufino disse...

Não sei quais foram os critérios para a elaboração da lista, mas penso que a nelly furtado não esteja lá porque não é portuguesa, antes canadiana de terceira geração, de ascendência açoreana...

boss disse...

Não, ela é de "primeira geração" e tem dupla nacionalidade ;)

Nic disse...

e o ronaldinho, boss nao te esquecas que tambem nos faz muita falta ;)


ps. parece-me que um tal de sr. Melo, luso-descendente recebeu recentemente o premio nobel da medicina!

S.M. disse...

Imperdoável, indeed. Faço minhas as palavras brasileiras: a nelly é tãaaaaaaaaaao fofa!
E tem todo o direito de constar na malfadada lista, até pq ela faz sempre questão de falar na sua ascendência portuguesa, a tal que muita gente gostaria de esconder
( et pour cause, mas enfim...)

bananalogic disse...

Adoro a música da Nelly, mas ela é canadiana, não portuguesa.

"A minha pátria é a língua portuguesa". A língua-mãe dela não é o português, logo não é portuguesa. Tem influências portuguesas, talvez, sim. Mas não vive cá e não foi Portugal nem a cultura portuguesa que originou a "Nelly Furtado".

Acho uma certa piada à nossa mania de procurar sempre uma relação ou ascendência remotamente portuguesa a qualquer pessoa bem sucedida. Só pode ser sinal que cá dentro não achamos gente suficiente. :-P