terça-feira, fevereiro 27, 2007

Oscar: the gay and green moment


E também o mais cute de todos. Via DR. Notar que a Melissa Etheridge se refere à esposa como "wife" e não "girlfriend", mas na tradução do Destak de hoje isso deu "namorada". Mais uma confusão que seria sanada com a legalização do casamento.

PS: O YouTube anda a apagar os vídeos dos Oscars por "violação de copyright" (e o direito à citação?). Uma versão mais curta ainda disponível encontra-se aqui.

2 comentários:

Grace disse...

Basta notar que, no mesmo instante do acontecimento, os comentadores da TVI - na circunstância 'actuando' como repórteres - comentaram os prémios entregues aos outros oscarizados da mesma fração de programa em que Melissa foi premiada, mas nem uma palavra sobre o prémio dela. Seria muito incómodo pronunciar certas palavras, permitir lugar às evidências...

boss disse...

eles deviam era estar sempre caladinhos, era uma seca estarem sempre a falar por cima das pessoas ainda por cima para dizerem o óbvio mesmo para quem não entenda inglês... desisti a meio por causa deles..