quarta-feira, maio 23, 2007

Multibanco

O sistema Multibanco é das poucas coisas que funciona bem neste país. É o melhor simplex que já tivemos. É aliás provavelmente a única coisa que funciona melhor neste país que em qualquer outro país europeu. Em alguns ainda se vêem caixas automáticas que parecem funcionar em ambiente DOS e as pessoas ficam incrédulas se lhes dizem que costumam pagar a conta da água ou comprar bilhetes de comboio nas caixas portuguesas... O Multibanco faz os seus utilizadores pouparem tempo e os bancos pouparem milhões. Todos ganhamos. Por isso é inadmissível qualquer nivelamento por baixo na qualidade do serviço e muito menos qualquer criação de "taxas", a bem de uma "uniformização europeia", como se lê no DN de hoje. Portanto os jornalistas que tratem de passar a limpo esta estória muito mal contada, e os utilizadores do serviço que tratem de ir pensando em reagir. Os salários nunca se lembram de uniformizar... apre!

6 comentários:

Insano disse...

Amen! Sem tirar nem pôr.

Nelson Peralta disse...

A banca ganhou rodos de dinheiro com o multibanco, já que permitiu uma reestruturação com muitos funcionários a menos.

Portanto menos emprego, menos benefício social, mais lucro privado!

Ultimamente anda a pregar que o sistema MB lhe custa muito dinheiro (um infinitésimo do que custaria em ordenados a sua não existência)! Parece que as suas preces estão a ser ouvidas!

Hugo disse...

erm... se temos todos o mesmo dinheiro... porque não termos todos os mesmos serviços de multibanco, permitindo-nos estar em qualquer ponto da UE e conseguir realizar as operações que desejamos? acho que faz todo o sentido. mais, isso até já é possível com a banca online, onde fazes quase o mesmo que numa caixa multibanco.
acho que é uma questão de aproximação económica entre estados para livre circulação de bens. e é apenas uma de muitas medidas que fazem sentido tomar se queremos igualar-nos à europa a outros níveis.

boss disse...

hugo essa parte é óptima desde que:

1) seja mantida a gratuitidade.

2) seja mantida a qualidade e diversidade de produtos.

De resto já é possível levantar dinheiro na generalidade das caixas estrangeiras, e sendo na zona euro o levantamento é feito sem custos.

joao.e2010 disse...

pois, eu tb subscrevo o post.
Quanto à generalizaçao dos serviços multibanco europeus, claro que estou de acordo mas como boss referiu e bem, se a gratuitidade for mantida. Em espanha por exemplo podes te pagar entre 66 centimos para levantar $$ (numa caixa do teu banco) a 2 euracos e tal se for numa caixa de um banco da concorrencia (dados de 2005). Ou seja, trata-se duma exploraçao, que eu nao gostaria de ver transporta para Portugal.

Hugo disse...

pois... eu tentei no estrangeiro levantar dinheiro e não devo dizer que não correu muito bem. se pagamos com cartão no estrangeiro tem a ver com empresas de crédito e não com acordos internacionais de bancos... mas desconhecia que pagasses pelos levantamentos em espanha... mas sabia que em frança não existe multibanco... existem é caixas automáticas dos bancos e acordos entre eles para as usares. agora percebo porque os comerciantes espanhóis pagam menos taxas ao receberem pagamentos com cartão... as pessoas pagam para levantar :P feitas as contas até é possível que cá esse negócio seja menos rentável do que lá. mas uma boa forma de apoiarmos os senhores da SIBS a não cobrarem taxas pelos levantamentos seria talvez pagarmos mais com cartão. era mais cómodo para nós e para eles mais rentável. e talvez assim esquecem-se a vontade de nos cobrar :P